Qlik Sense

De Qknow
Ir para: navegação, pesquisa
QlikCiclesPicture.PNG

Página Principal >> Assuntos Gerais >> Assuntos Gerais de Qlik Sense >> Qlik Sense

Introdução

QlikSenseDesktop01.PNG

O Qlik® Sense é a mais nova geração da plataforma analítica da Qlik® destinada a revelar a história por trás dos dados! Esta nova estrutura amplia as condições do uso de soluções de BI para um nível em que qualquer decisor, de qualquer nível e de qualquer lugar, possa construir, acessar ou divulgar informações obtidas a partir das diversas fontes de dados. Além de acesso por meio de navegadores aos painéis e relatórios da plataforma Sense, a companhia pode usar o framework do Qlik para incorporar visões dinâmicas em seus portais, o que a Qlik® denomina como embedded analytics.

Por trás da facilidade de uso e integração dos dados existe uma robusta arquitetura que permite as Organizações manterem um alto nível de governança, gerenciamento dos dados, fluxo das informações, permissões, acessos, auditoria, entre outros. Tudo para permitir que os usuários de negócio possam atuar em decisões a partir de painéis colaborativos com elegantes e sofisticados mecanismos gráficos.

Baseado no modelo associativo patenteado pela Qlik®, o Sense permite que usuários de negócio possam associar seus dados sem necessidade de conhecimento do funcionamento de instruções de retaguarda (SQL) destinadas ao público de tecnologia. Assim, dados de várias fontes incluindo bases de dados, arquivos do Excel, textuais ou mesmo páginas HTML podem ser combinadas sem uma única instrução (comando) conhecida pelo usuário. Tudo isso só é possível em virtude do modelo associativo (não relacional) que torna o QlikView e Qlik Sense soluções únicas!

Com o modelo associativo os usuários podem ligar dados de diversas fontes sem a preocupação com as repetições causadas pela tradicional cardinalidade dos dados, fruto das instruções de ligação padrão SQL (JOIN, LEFT JOIN, RIGHT JOIN). No Sense as associações são automáticas e permitem uma varredura em todos os dados existentes de qualquer uma das fontes utilizadas. Ou seja, escolhendo um simples valor de um campo propaga uma seleção em todos os dados carregados, independente do número de tabelas, arquivos, colunas e linhas existentes. Isso só é possível porque o Sense não utiliza um modelo hierárquico ou instruções SQL para cada interação do usuário, motivo pelo qual é possível percorrer todos os registros instantaneamente.

É com base no modelo associativo que o usuário de negócio experimenta a possibilidade de percorrer todos os dados instantaneamente, independente do tipo ou fonte, visualizando a verdadeira história por trás das informações, ao invés de pedaços de resultados obtidos por meio de instruções que limitam os registros. Tudo isso acessível por dispositivos compatíveis com HTML 5.0, o que inclui tablets e smartphones.

O Modelo Associativo

QlikSenseAssociativeModel01.PNG

Este modelo não é apenas um conceito, mas uma tecnologia que permite que os usuários possam explorar os dados sem estruturas pre-estabelecidas, hierárquicas e engessadas. É através do QIX (Qlik Index) que a interação com os dados carregados no modelo em memória se estabelece respondendo aos questionamentos dos usuários através de recursos de pesquisa inteligente, seleções e filtros. Os elementos gráficos, textos e tabelas respondem as interações do usuário em resposta ao QIX (modelo associativo) e não por uma ligação gráfico a gráfico que dispara novas instruções SQL. Por isso é possível interagir com qualquer elemento gráfico ou visualização a partir de qualquer ponto dos dados e ir avançando na análise sem que seja necessária novas instruções.

A partir das interações o QIX recalcula em memória e dinamicamente todos as fórmulas estabelecidas, mantendo então o contexto dos dados de acordo com as seleções do usuário. Este contexto é exibido graficamente nas cores verde (selecionado), branco (associado) e cinza (não associado) em todas as dimensões (colunas) independente da origem. Esta diferença é a maior vantagem do modelo associativo, enquanto as demais soluções trabalham em estruturar hierárquicas pré-concebidas, limitando a ação por meio de consultas SQL ligando duas ou mais tabelas. No modelo baseado em SQL somente parte da história é exibida, já que o resultado fruto da escolha do usuário é potencialmente uma parcela menor do que a existente. E claro, se nem todos os dados estão presentes não há como dizer que a história completa por trás destes dados poderá ser desvendada!

QlikSenseAssociativeModel02.PNG

No exemplo acima o usuário realiza duas seleções (em verde) para filtrar tanto um aeroporto de destino quanto um tipo de voo específico (Cargueiro) e obtém instantaneamente a resposta de onde partiram os voos (Aeroporto Origem) e em quais períodos estes voos ocorreram (2011, 2012 em branco). Porém, além dos dados associados em resposta a pergunta feita pelo usuário por meio de seleções, o Qlik também responde de onde não houveram voos de origem para o aeroporto de destino, sinalizados na lista de aeroportos de origem em cinza escuro. Este resultado simplesmente não existe em um BI tradicional, pois apenas uma parcela dos dados é entregue como resposta a uma pergunta do usuário. Já no Qlik, nada fica oculto!

A seguinte lista resume as características mais marcantes das soluções Qlik:

  • Apresenta todas as associações existentes entre os dados de todas as fontes carregadas (data sources).
  • Permite explorar os dados a partir de qualquer ponto (tabela, coluna, registro) através de simples seleções e pesquisas inteligentes.
  • Com o smart search o usuário pode entrar com uma palavra que será pesquisada em TODOS os dados de TODAS as fontes disponíveis.
  • Sempre que filtros e seleções são realizadas, o QIX recalcula todo o modelo para manter o contexto dos dados associados, não associados e selecionados.
  • O usuário jamais ficará preso a uma estrutura hierárquica pré-agrupada, estando livre para fazer qualquer pergunta a qualquer momento.
  • Se dados não ficam ocultos como resultado das pesquisas e seleções, o Qlik consegue exibir a verdadeira história por trás dos dados.


Pilares do Qlik Sense

O Sense está pautado sobre três grandes pilares representando os maiores valores da plataforma. O primeiro deles refere-se a capacidade de descoberta de informações de maneira self-service. Ou seja, o próprio usuário de negócio é capaz de correlacionar dados, analisar resultados, montar gráficos e explorar os resultados sem intervenção constante da área de tecnologia. São recursos individuais disponíveis para qualquer um a qualquer momento. Basta fazer o download do Qlik Sense Desktop e começar a usá-lo em suas análises! Dentro deste pilar existe a exploração e visualização dos dados por quem realmente precisa e tem interesse em respostas: Os decisores! É o ponto principal e crucial da arquitetura Sense pois permite as pessoas tomarem as decisões quando são demandadas.

QlikSensePillars01.PNG

O segundo pilar diz respeito ao compartilhamento das descobertas de negócio. Informações! Permite compartilhar com outros decisores e eventualmente para toda a Organização (companhia) os resultados encontrados. É pautado sobre a ideia de compartilhamento de informações para grupos visando colaboração, comunicação e resolução de problemas. Em qualquer lugar, a qualquer momento! Isso permite que as áreas da companhia trabalhem sobre suas metas com as informações que as subsidiam para alcance das soluções que levam a concretização dos objetivos definidos. O Qlik Sense é concebido para pessoas em qualquer lugar, permitindo que as análises possam ser compartilhadas e trabalhadas em conjunto com os demais profissionais mesmo que remotamente. Portanto, o segundo pilar é compartilhamento de informações para o publico certo, em qualquer lugar e a qualquer momento!

O terceiro pilar atende a demanda organizacional, operacional e de governança, pois o Qlik Sense não é apenas um produto OLAP (um visualizador de BI), mas uma solução robusta para qualquer tamanho de empresa ou Organização. Com o Sense é possível confiar nos resultados das análises em grandes companhias e organizações. Sem dificuldades de implantação e grande aderência da solução em qualquer que seja a área de atuação da empresa, permitindo um alto nível de governança dos dados e informações para que estejam disponíveis quando e para quem as necessita. Mas não para por aí. O Sense permite um amplo conjunto de extensões que podem ser incluídas ou desenvolvidas para incorporar novos recursos específicos de cada companhia.

Primeiro Pilar - Os Decisores!

QlikSenseAssociativeModel03.PNG

O Sense oferece aos tomadores de decisão uma solução para visualização e exploração que permite maior independência, entendimento e insights sobre os dados. Este é o ponto chave do valor agregado das soluções Qlik. Ou seja, o alinhamento do produto as necessidades de negócio onde pessoas trabalham com os dados e não os dados são um trabalho pesado e árduo para as pessoas. Desde a construção de uma simples análise visual até a exploração da cadeia de ligações entre as diversas fontes, tudo pode ser realizado de maneira autônoma pelos próprios usuários. É esta sofisticação que permite que qualquer um possa usar sua intuição para percorrer os diversos caminhos que a plataforma permite, o que é possível pelas características da solução:

  • O Modelo Associativo: É o que habilita o usuário explorar de maneira livre e corriqueira as diferentes possibilidades de ligação dos dados nas mais diversas fontes. Neste aspecto os usuários podem começar de qualquer lugar e de qualquer direção, independente das base de dados (tabela, coluna, linhas, etc.). Alinhado com o modelo, o smart search habilita buscas em TODAS as tabelas e arquivos carregados. Entrando com uma simples palavra o Sense é capaz de pesquisar todas as possibilidades como se existisse uma busca textual, apresentando não somente os dados que atendem o critério de pesquisa, mas os elementos gráficos e tabelas que mencionam o contexto do critério pesquisado (versão 3.0 em diante).
  • Smart Visualizations: As visões inteligentes do Qlik Sense transformam os dados em um significado útil, transmitindo uma ideia. Sempre que o usuário interage com os dados os gráficos refletem o modelo associativo, mantendo o contexto sobre o que está sendo analisado. O contexto não significa apenas gráficos atualizados, mas todo o aplicativo Sense (painel, relatório, dashboard). Seja o que for, estará sempre sincronizado com o modelo de dados no ponto onde o usuário deseja se aprofundar. Além disso, as visualizações do Sense são responsivas, o que significa que se ajustam automaticamente ao tamanho do dispositivo em uso, inclusive para smart phones ou tablets.
  • Análise Orientada: Cada usuário se torna um analista de negócio quando utiliza o Sense para explorar os dados. Apenas arrastando e soltando (drag and drop) o usuário é capaz de criar novas visualizações, sempre a partir de qualquer dispositivo, incluindo celulares e tablets (mobiles). Estas criações não implicam em construções de instruções SQL, nem mesmo a preocupação com a cardinalidade (repetição que ocorre em ligações via JOIN). Tudo que é criado pode ser compartilhado para outros usuários através de uma biblioteca corporativa, controlada e gerida. Ou seja, a governança não foi esquecida. Com o Sense não é preciso aguardar por um analista de negócio ou área de tecnologia para se ter uma visão diferente.

Segundo Pilar - Conhecimento Distribuído

No Sense o conhecimento pode ser amplamente divulgado para grupos, departamentos ou membros de times específicos. Assim as metas estabelecidas e problemas a serem resolvidos podem ser endereçados de qualquer lugar a qualquer tempo. Conhecimento distribuído significa que os grupos da companhia atuam em conjunto para alcançar as metas, de maneira colaborativa, pautados sobre um mesmo conjunto de informações uniformes e consistentes. O Qlik Sense é construído para pessoas em quaisquer lugares, permitindo que as análises possam ser compartilhadas no escritório ou para fora dele.

QlikSenseSharing01.PNG
  • Compartilhamento Centralizado: Oferece a capacidade de encontrar análises relevantes (painéis, dashboards, relatórios, aplicativos Sense) através de um ponto centralizado denominado HUB. O Hub organiza espaços chamados de streams onde grupos ou usuários designados possuem amplo acesso. Com isso não é preciso perder tempo desenvolvendo novas análises já que boa parte pode estar publicada por outros colaboradores da empresa. Bastará usar! As streams organizam as aplicações e painéis que os grupos podem ter acesso, compartilhando as informações mais relevantes da corporação para os devidos interessados. Chega de planilhas encaminhadas por email!
  • Storytelling e Relatórios: Ao acessar um painel usuários de negócio são levados a criar uma sequencia lógica de análise, o que o Sense chama de "história por trás dos dados". Trata-se de uma narrativa viva com gráficos e textos que acessam dinamicamente o dashboard e respondem a questionamentos feitos durante as apresentações. Chega de PPT estático! Os usuários podem incluir seus pontos de vista e distribuí-los por meio das histórias, com capacidade de responder a eventuais questionamentos que surjam durante as reuniões através de painéis integrados ao contexto da apresentação. Mas se for preciso, ainda poderá exportar para PDF e distribuir uma cópia estática das conclusões.
  • Em Qualquer Lugar. A Qualquer Hora: Todas as capacidades encontradas na versão Desktop do Qlik Sense estão disponíveis para dispositivos móveis, o que inclui smartphones e tablets. Isso permite que as melhores experiências de análise não fiquem restritas a mesa do analista ou decisor, mas possa ir com o profissional para qualquer lugar em qualquer tempo. Profissionais podem explorar, analisar, criar e distribuir os resultados onde estiverem, trazendo uma dinâmica para além das fronteiras do escritório. Com base em HTML 5.0 e outras tecnologias embarcas, os painéis e relatórios se adaptam ao dispositivo que estiver em uso.

Terceiro Pilar - A Corporação

No Sense, grandes corporações asseguram a assertividade dos dados, adoção da ferramenta pelos usuários de negócio e confiabilidade da plataforma em um modelo de aplicações e extensões integradas que interligam diversas áreas, bases, dados e pessoas. Mas não sem governança, segurança e escalabilidade.

  • Integração e Extensão: O Qlik Sense permite que usuários possam criar análises que serão incorporadas nos portais da companhia, seja pelo acesso a Intranet ou Internet. Ou seja, os elementos gráficos criados no Sense podem ser incluídos nos portais existentes e trabalharão da mesma forma que acessados pelo HUB, com toda interatividade disponível. Aplicações OLTP da Organização podem incorporar análises gráficas a partir de conjuntos de API's abertas, habilitando a empresa a desenvolver novas e integradas visões. Desenvolvedores podem personalizar, extender e embutir visualizações do Sense para criar novas aplicações que atendam a requisitos únicos do negócio da empresa.
QlikSenseDataIntegration01.PNG
  • Governança Empresarial: Consoles de gerenciamento do Sense centralizam dados e bibliotecas de maneira segura, com regras de acesso, autorização e permissão. Tudo isso em uma arquitetura elástica que pode ser desmembrada em vários sites remotos, assegurando alta disponibilidade, rapidez, redundância, segurança e tantos outros aspectos disponíveis em nível organizacional. Estas características permitem que a Organização possa incorporar serviços de análise do tipo self-service (auto atendimento) sem neglicenciar a governança, segurança e escalabilidade. A arquitetura é composta de serviços separáveis que podem ser ajustados em termos de distribuição para atender os requisitos de volume e número de acessos concorrentes/simultâneos.
  • Integração de Dados: Um mecanismo robusto de integração de dados permite organizar, substituir, retirar, limpar e unificar os registros lidos a partir de diversas fontes sem investimento adicional em soluções de transformação. O sistema de carga inteligente (smart load) analisa o conteúdo das tabelas e sugere as ligações entre os dados sem ter que considerar chaves primárias ou estrangeiras, mesmo porque essa característica não existe quando os dados são provenientes de múltiplas fontes. Por isso o Qlik analisa o conteúdo e verifica quais são os dados que se associam. Adicionalmente, tudo é carregado para o próprio Qlik e não depende de soluções externas ou bancos de dados adquiridos para finalidade de hospedagem dos dados. Isso significa redução abrupta de custos!


Portfólio Qlik

O foco das soluções é análise de dados e por isso a plataforma atende diferentes necessidades buscando sempre alcançar a verdadeira história por trás dos dados. A estrutura a seguir representa em alto nível a oferta da Qlik no mercado (informações de 27/05/2016).

QlikPortifolio01.PNG




Assuntos Relacionados


Envelope01.jpg
Procurando Algo? Fale Conosco!

Página Principal

Página Principal >> Assuntos Gerais >> Assuntos Gerais de Qlik Sense >> Qlik Sense